Read contrato_vendas_Canil_Westie_Doo.pdf text version

ELEONORA DIAS

advogada

CANIL WESTIE DOO LAND

CBKC/SP 151/04

CRIADORA ELEONORA DIAS CRIANDO WESTIES HÁ 12 ANOS CINÓFILA MANEJAMENTO DE PLANTÉIS ADVOGADA CINOTÉCNICA

1

ELEONORA DIAS

advogada

CANIL WESTIE DOO LAND

ANTIGO CANIL QUINTA DAS MIL FLORES Registro CBKC ­ 151/04 Registro anterior em nome do Canil Quinta das Mil Flores Tels. (11) 41487034 [email protected] www.canilwestiedoo.com.br Endereço novo: Rua das Mangabeiras, 37, Recanto Verde, Cotia, SP, CEP 06701241, entrada pelo Km. 39 da Rodovia Raposo Tavares sentido interior à direita no retorno (não fazer o retorno).

CONTRATO DE COMPRA E VENDA WEST HIGHLAND WHITE TERRIER Pelo presente instrumento particular de contrato de compra e venda, os abaixo assinados têm justo e contratado na melhor forma de direito o seguinte, que mutuamente outorgam e aceitam, na presença de duas testemunhas. de um lado o Canil Westie Doo Land, registrado na Confederação Brasileira de Cinofilia ­ CBKC, sob no. 151/04, com endereço à Rua das Mangabeiras, nº 37, Chácara Recanto Verde, Cotia, São Paulo, neste ato representado por sua proprietária, Eleonora Dias, brasileira, divorciada, criadora, portadora do RG 9.700.226, residente e domiciliada no mesmo endereço supra, adiante chamada vendedora; e de outro lado o Sr (a)__________________________________________,RG_____________, e Inscrito no CPFMF sob nº _____________________,Residente e domiciliado a Rua/Av____________________________________________________________ CEP_________, Cidade_________________________________________,Estado____________ Telefone(s)____________________, celular______________________email__________________________________ adiante chamado comprador:

as partes firmam o presente contrato de compra e venda, em caráter irretratável e irrevogável, exceto nas Cláusulas previstas, de um cachorro da raça Westie Highland White Terrier nascido em____________, sexo___________, filho (a) de____________________________________________________.

2

ELEONORA DIAS

advogada

Cláusula Primeira Pela venda efetuada a vendedora receberá a importância de RS$ ( ), paga da seguinte forma _______________________________________________________________ obs. o preço cobre exclusivamente o valor do cão, vacinas descritas e Microchipagem, não cobrindo envio para outras localidades. Cláusula Segunda O uso do cão será para a finalidade de companhia. Caso o cão seja utilizado para pista a escolha do exemplar ideal caberá ao comprador, MAS A RECOMENDAÇÃO É DE QUE SE COMPRE UM EXEMPLAR MAIS VELHO, PELO MENOS COM 08 MESES. Caso seja comprado para padreador deve o comprador saber que o ideal será comprar um cão por volta de pelo menos oito meses de idade também.

Cláusula Terceira: Pedigree A vendedora obriga-se a enviar ao comprador o pedigree do cão no prazo máximo de 5 (cinco) meses, ou assim que o receber, caso haja atraso no CBKC. Cláusula Quarta: Vacinas (neste ato está sendo entregue a carteira de vacinação): só são aplicadas vacinas importadas da Pfizer ou Merial. Nunca aplicar vacinas nacionais no cão, e sempre comprá-las do seu veterinário. Orientação ­ devem ser aplicadas 3 doses da Vacina V10 e depois da última dose aplicar a anti-rábica, a pneumodog e a vacina contra Giárdia são optativas, já que a pneumodog é curativa e a contra a Giárdia quase nunca funciona, A incidência de Giardíase é hoje muito grande no país, e é transmitida unicamente pela água. O canil tem sempre a preferência de entregar o cãozinho com pelo menos duas doses de V8 ou V10, quando ele estará relativamente protegido contra a Parvovirose, Cinomose, Leptospirose e outras doenças infecto-contagiosas de grande importância, mas para isso é necessária a entrega com pouco mais de 2 meses, 65 dias de vida aproximadamente. A terceira dose da vacina V8 ou V10 será aplicada pelo Canil caso o proprietário queira trazê-lo para tanto, juntamente com a vacina Anti-Rábica. NUNCA APLICAR A VACINA CONTRA A LEISHMANIOSE, por vários motivos, entre eles por ser perigosa e extremamente nova no país! Há outras formas de proteger seu cão contra a Leishmania, seguras, como explicado a seguir!

3

ELEONORA DIAS

advogada

Cláusula Quinta: Condições da Garantia: O comprador ao retirar o animal efetua minucioso exame deste, considerando-o em perfeitas condições de saúde. O comprador manifesta-se ciente do termo retro descrito, tendo uma garantia de 30 (trinta) dias, no caso exclusivo de manifestação de doença infecto contagiosa, cujo prazo se iniciará a partir da assinatura do presente documento, sendo-lhe garantida reposição do animal da mesma raça, mediante a apresentação de um laudo médico veterinário, que deverá ser realizado pela USP ou PROVET. A vendedora não se responsabiliza por eventuais despesas de veterinários, incluindo o descrito no tópico anterior. Não serão aceitas reclamações, nem a devolução do animal, no caso de intoxicação, envenenamento, acidentes, medicação e alimentação inadequadas, bem como o animal não de acostume ao novo ambiente por não serem seguidas as orientações da Criadora, de suma importância para educação do filhote em sua nova casa.

Cláusula Sexta ­ caso o filhote seja enviado para outra localidade por via aérea ou outra qualquer o canil se responsabiliza até a entrega do mesmo para a companhia que fará o transporte, conforme as exigências deste. Viagens e stress provocados pelas mesmas são imprevisíveis e o canil não se responsabiliza por qualquer dano ocorrido pelo transporte.

Cláusula Sétima - As partes elegem o foro da Comarca de Cotia para eventuais divergências referentes ao presente contrato ou oriundas do mesmo.

Cientes do acima, assinam o presente contrato em 2(duas) vias igual teor, na presença de duas testemunhas.

São Paulo, ______________________

COMPRADOR

VENDEDORA TESTEMUNHAS

1.

2.

4

ELEONORA DIAS

advogada

GUIA DE CRIAÇÃO BÁSICO

VOCÊ ESTÁ PRONTO?

Você já preparou a sua casa e a sua família para o seu novo cãozinho, que logo será um cão adulto, que pode fazer parte da família por até mais de 15 anos? Você já comprou o necessário para cuidar do seu cão ­ comida, cama, escova, remédios básicos, brinquedos para ele não comer a sua casa, e outras coisas, como já falamos? Você já encontrou um veterinário com o qual você se sente bem? Você já pensou em como quer que o seu cachorro se comporte e se isso é possível? Você já pensou nos seus horários, se eles comportam tempo para as necessidades de exercícios e atenção do seu novo cachorro? Você já pensou que quando viajar terá que levar o cão ou deixá-lo com alguém que goste dele? Quando sair com ele pela primeira vez, depois dos 3 meses, ao comprar a coleira, lembre-se de que seu cão vai crescer ­ cerca de 26 a 28 cm na cernelha (lembrese de que o tamanho do cão pode ter pequenas variações, o que não significa impureza, mas normalidade dentro da Biologia e Genética), se Westie, e eles costumam ter um pescoço forte. Os Westies na rua devem sempre estar de coleira, pois são caçadores e, por mais educados que sejam, pode aparecer um gato do outro lado da rua, não é?

Observações: 1 ­ Orientações: Alimentação até 18 meses: ração de filhote super-premium, Proplan puppies optistart plus small bites, Hills, Premier, Eukanuba, Premiatta, Cibau ou Royal Canin. Frutas não cítricas permitidas e fazem bem ao pelo do cão. Banho fora de casa e passeios só após a vacinação completa. Lembre-se, o lugar de maior contágio normalmente é o petshop, pois lá se concentram os portadores das doenças, outros cachorros!

5

ELEONORA DIAS

advogada

2 - Quando dar banho? Depende. Normalmente uma vez ao mês é mais que o necessário, mas ajustes podem ser feitos conforme o clima. Importante saber que a pelagem dos Westies é dupla e tem uma oleosidade natural que com muitos banhos se perde, o que faz com que o cachorro se suje mais!

3 - Escovação é importante. O filhote está acostumado a fazer suas necessidades no jornal, mas ficará perdido na sua casa nos primeiros dias, por isso ou se colocar jornal em todos os cômodos da casa ou se limitar os espaços aonde ele vai. Alimentação quando filhote deve ser dada três vezes ao dia, até que ele se acostume com a higiene, no canil a ração é deixada à vontade e os filhotes já estão acostumados a saber o que comer e quanto. Água direto e sempre fervida, filtrada não por filtros de barro, com uma gota de Hipoclorito de Sódio por litro (o mais seguro!) ou mineral, por causa da grande incidência de Giardíase, que contamina pela água. Conforme ele cresça, a ração poderá ser deixada direto e ele saberá a quantidade a comer. Os Westies podem desenvolver alergias à carne bovina e à grama, embora não seja comum. Cuidado com gatos, pois os Westies podem xeretá-los ou atacá-los, afinal são caçadores, e o perigo está em o gato, para se defender, furar o olho do cão Em qualquer dúvida, por favor, estarei sempre à disposição a qualquer hora. 4 ­ caso o filhote seja enviado para outra localidade por via aérea ou outra qualquer o canil se responsabiliza até a entrega do mesmo para a companhia que fará o transporte, conforme as exigências deste. Viagens e stress provocados pelas mesmas são imprevisíveis e o canil não se responsabiliza por qualquer dano ocorrido pelo transporte, que deverá ser feito após os 3 meses de idade e com todas as vacinas. . 5 - Vermifugação - completa neste ato. Vermifugar a cada seis meses com Drontal. Cardomec, Panacur, Mectimax ou outro bom vermífugo. Caso vá à praia utilizar Advocate Max 3, 3 (três) dias antes. O ideal é que se utilizar Advantage Max 3 (Bayer) e Advocate (Bayer) todos os meses, quando então não será necessária nem vermifugação nem outros antipulgas. A dosagem necessária é de 0.1 ml por Kilo do cão. O Advocate, da Bayer, parece ser o melhor parasitológico interno e externo, atacando inclusive ao verme do coração, a Dilofilariose, um verme muito perigoso presente nas praias, sarnas (inclusive de ouvido e sarcóptica presente nos petshops que não esterilizam suas escovas entre um cão e outro), piolhos e prevenção dos carrapatos ,mas quando colocado em um cão já infestado não funcionará, tendo que se tirar os carrapatos e utilizar um remédio oral, ou outro na forma spot on como o Advantage Max 3, que tem também a vantagem de ser repelente, único tipo de remédio hoje utilizável contra a Leishmaniose, pois a vacina ainda não é totalmente confiável, sendo ainda de aplicação DUVIDOSA E PERIGOSA, e o cão se torna soropositivo, o que significa que caso seja feito

6

ELEONORA DIAS

advogada

exame nele e o proprietário não tenha a carteira de vacinação, será sacrificado imediatamente, já que é transmissível aos homens. Na verdade a doença se encontrava no triângulo Bauru, Araraquara e Araçatuba, mas já tivemos muitos casos em São Paulo e no país todo, tendo se tornado Endêmica. - Não dar leite, nem outros tipos de alimento, jamais dar ossos de frango ou porco. - frutas não cítricas são permitidas, mas em pouca quantidade. - banhos podem ser dados em casa até a completa vacinação, depois banhos de vinte em vinte dias são mais que suficientes, com shampoo neutro ou próprio para cães. Colocar no último enxágüe um copo de água com um pouquinho de álcool facilita a secagem com secador ­ não deixe seu filhote molhado. - escovar o seu filhote pelo menos 3 vezes por semana. - choro ­ dar para o filhote um bichinho de pelúcia, ou colocar um relógio tic-tac. Caso ele chore, não o pegue, será apenas por uns dois dias! - procure sempre um local quente e protegido do vento e da chuva para ele dormir. - brinquedos ­ ossos próprios para cachorro, bolinhas de plástico, bonecos de borracha e outros. Eles gostam de rasgar revistas velhas e adoram chinelos de borracha. - Vermifugar seu bichinho a cada seis meses e utilizar Advantage Max 3, da Bayer para evitar a tão temida picada da mosca que transmite a Leishmaniose, doença sem cura para o cachorro e Zoonose, ou seja, passa para o ser humano, por isso o cão tem que ser imediatamente sacrificado! Eles transmitem a doença! Se for para a praia utilizar um vermífugo que pegue o verme do coração, ou em vez de tudo isso utilizar o ADVOCATE e o ADVANTAGE MAX 3 todos os meses (uma ampola que se coloca na nuca e que pega vermes, inclusive o do coração, carrapatos, sarnas, que às vezes se adquire nos pet-shops através das escovas) e pulgas.

-apesar dos nossos filhotes serem vermifugados 3 vezes contra todos os tipos de vermes, os chatos, os longos e os protozoários, sempre se recomenda, ao retirar um filhote do canil, onde ele brinca inclusive com a terra a proceder a mais uma vermifugação, para a qual se indica o vermífugo PANACUR 500, na dose de ¼ de comprimido 2 vezes ao dia durante 3 dias. Isso já é feito no canil quando planejada a compra.

-dar sempre água filtrada (filtro de barro não adianta), fervida ou com gotas de Hidrosteril, líquido que desinfeta verduras e água, na medida de 1 gota por litro, esse líquido é encontrado nos supermercados, na seção de verduras, normalmente.

7

ELEONORA DIAS

advogada

O Canil Westie Doo Land

Antigo Canil Quinta das Mil Flores Proprietária ­ Eleonora Dias ­ Cinófila, Advogada Cinotécnica e Técnica em Biologia e Zootecnia, além de Manejamento de Plantéis. Entrega de filhotes ­ depois de 65 dias, quando estão protegidos pelo menos com duas vacinas da Merial ou Pfizer, SEMPRE IMPORTADAS, liberados quanto à verificação de olhos, ouvidos, ossatura e exame geral pelo Veterinário do Canil, e vermifugados contra todos os tipos de vermes e protozoários. Além disso, já estarão completamente desligados das mães e comendo a ração eleita pelo Canil, entre as indicadas, seca, sem necessidade de qualquer outra alimentação. Entregues nessa idade já têm educação básica. Normalmente não há pronta entrega de filhotes, já que trabalhamos com reservas ao nascerem, quando os filhotes podem ser vistos e eleitos. Linhagens totalmente Européias, sendo o pai campeão padreador italiano, e as mães filhas do Canil Campos da Rainha de Portugal.

Pai, mãe e outros exemplares da raça presentes e à mostra no canil, para que se saiba como vai ficar seu filhote. Enviamos para todo o Brasil e exterior, após os três meses de idade, prazo exigido pelas companhias aéreas. Padreadores à disposição. Dicas para a tosa da raça e quaisquer outros cuidados.

8

ELEONORA DIAS

advogada

WEST HIGHLANDS WHITE TERRIERS OS WESTIES

OS CÃES CACHORRO É TUDO DE BOM! Hoje os cachorros chegam a ser considerados como filhos, verdadeiramente como parte da família, e `às vezes eu diria que são mais humanos que os próprios humanos. Nunca reclamam. Contentam-se com pouco. Sua maior felicidade está em agradar aos donos: e como ficam felizes. Protegem, fazem companhia, dão carinho e suas necessidades são muito poucas, comida, água, um lugar para fazerem suas necessidades e um pouco de carinho, bem pouco, com o qual estão plena e eternamente felizes. Outro dia li numa revista feminina que as mulheres envelhecem mais belas se tiverem um cachorro de companhia! E uma cliente minha comprou uma cachorrinha por causa dessa matéria, e me liga até hoje para dizer como está a sua "filha". Os cachorros pelo que se sabe iniciaram sua história junto aos homens no trabalho, excelentes trabalhadores, como os pastore, por exemplo, que "pastoreavam", ou seja, tocavam rebanhos enormes de ovelhas desde os inícios dos tempos. Com o tempo foi se descobrindo que eles tinham outras qualidades, proteção das fazendas, caça dos outros animais que entravam para matar e roubar, como as raposas, caça aos animais daninhos, como os ratos, e a companhia ao homem veio por conseqüência, já que eram "companheiros" de trabalho! Pelos cruzamentos entre cães que tinham alguma diferença, ou que demonstravam habilidades diversas, o homem foi conseguindo, ao longo dos anos, e ao redor do mundo, formar os milhares de raças hoje existentes, destinadas diversamente aos tipos de trabalho para os quais se mostravam adequadas.

9

ELEONORA DIAS

advogada

OS WESTIES Encontrar um West Highland White Terrier se liga a uma palavra: alegria O West Highland White Terrier é mais conhecido no mundo todo no Westie. No Brasil ele virou "o cãozinho do IG". O Westie é famoso pela sua cara branca onde brilham seus olhos grandes e negros. O American Kennel Club, seguido pelos Kennels do mundo classifica os Westies como membros do grupo dos Terriers. Desenvolvidos em Argyllshire nas terras altas da Escócia (Highlands), os Westies foram originalmente colocados para trabalhar como caçadores de ratos e outros animais daninhos pequenos, depois pelas suas qualidade se tornaram caçadores de animais maiores, como as raposas.

Os Westies são uma das raças escocesas de terriers e vêm da mesma família dos Cairn Terriers e Scottish Terriers. Por causa do trabalho agressivo dos terriers no campo, os mesmos têm dupla pelagem como proteção. A pelagem de cima alta e áspera ao toque e os protege das diversas condições de tempo e do chão com arbustos enquanto ele caça. Manter o pelo dos Westies bonito não é de nenhuma forma difícil. Ele raramente necessita de banho. Não é um cachorro que tenha cheiro e a oleosidade natural do pelo impede que a sujeira se mantenha, apesar se ser um cavador nato. Quanto menos banhos melhor, porque os banhos tiram essa oleosidade. Melhor escová-los, o que é suficiente duas a três vezes por semana e ele adoram. A tosa, idealmente feita na tesoura, com um pouco de paciência pode ser feita em casa, ou senão num pet-shop, de qualquer forma, não mais do que uma vez a cada três ou quatro meses, e não antes dos seis meses de idade. Até os oito meses eles são orelhudos, de pelo duro, e não há o que fazer para mudar isso. Apenas amar o seu Westie e lembrar-se que depois de um ano ele será um dos cães mais lindos e chamativos que você já viu!

10

ELEONORA DIAS

advogada

Como todos os Terriers, o Westie possui um alto latido. Historicamente o Westie usava o latido para alertar o seu chefe da localização dos animais `a caçar. Hoje, O latido dos Westies habilita-o a ser um excelente cão de guarda. O Westie é travesso, afetuoso, devotado, inteligente e extremamente esperto. Ele normalmente se dá bem com outros animais e absolutamente ama pessoas, especialmente crianças!

Os Westies ­ história Em matéria de fato Quando consideramos a história dos West Highlands White Terriers, é importante lembrar que estamos lidando com possibilidades, probabilidades e um pouco de lendas Celtas. Do que sabemos, o primeiro criador da raça foi de um tipo genérico de Terriers, mais ligado ao moderno Cairn Terrier. Até que a raça emergiu como uma raça distinta, seus ancestrais são conjecturas. Algumas centenas de anos atrás, na Escócia e demais Ilhas do arquipélago, os terriers eram usados e criados exclusivamente para caçar e exterminar pequenos animais daninhos, como ratos. Para os donos dessas criações, a forma e estilo tinham pouca importância, desde que servissem para a sua função. O tamanho era variável, pelo e cor não importavam. Esses cães guardam pouca lembrança com os cultivados terriers de hoje. Durante um longo período de tempo, eles começaram a seguir linhas distintas de terriers. Os criadores começaram a atentar para certas diferenças e distinguir os tipos. Da história sabemos que terriers eram conhecidos cães da Escócia dos dias da Rainha Elizabeth I e do Rei James. O médico de corte da Rainha Elizabeth, Johannes Cauius (John Keyes) escreveu o primeiro livro sobre cães já conhecido e traduzido para o inglês "Of English Dogs", que falava dos terriers das terras circundantes dos bárbaros e terriers da Escócia. O Rei James deu de presente brancos terriers das terras de Argyllshire, Escócia, ao Rei da França. Enquanto trabalhando com terriers de várias cores, na Escócia os brancos eram considerados não puros, e alguns criadores os eliminavam ao nascer. Uma lenda descreve como essa prática chegou ao fim. Depois de retornar de uma guerra contra o crime, o Coronel E.D. Malcolm, um venerável soldado e homem de esportes estava fora caçando Raposas no seu Estado Poltalloch em Argyllshire. Na agitação e excitamento da caçada o Coronel Malcolm atirou no que ele imaginava ser uma Raposa. Era na verdade um dos favoritos Cairns! Com a trágica morte de seu cão favorito, o Coronel jurou que daquele dia em diante só criaria cães brancos, o que se acredita ter sido a gênesis dos West Highlands White Terriers.

11

ELEONORA DIAS

advogada

Com a separação das ninhadas das criações, começaram a aparecer as diferenças entre as raças de terriers. O Scottish Terrier mais pesado, mais baixo e com ossos maiores. Os Cairns eram menores e mais longos. No começo do século XX, alguns dos maiores cães mostrados na Inglaterra começaram a incluir classes de Westies, então chamados Poltalloch Terriers. Em Londres em uma demonstração de cães no ano de 1907, os West Highlands receberam sua primeira classificação própria como West Highland White Terriers. A sua raça ainda era confusa te quando, em 1917, os West, quando o American Kennel Club distinguiu as raças definitivamente, Desde então, o Kennel Club Inglês poderia apenas documentar os cães de acordo com as distinções. As duas raças foram então separadas definitivamente. Os Americanos logo reconheceram as vantagens e virtudes destes cães. O nome definitivo West Highland White Terrier foi criado nos U.S.A., em 31 de Maio de 1909, e assim ficou desde então. O primeiro Clube dos West Highland White Terriers foi criado em Setembro de 1909, e continua a ser o protetor da raça desde então, sob o AKC, American Kennel Club. Até o ano de 1962, haviam moderados números de Westies registrados. Mas o Westie tinha um grande protetor amigo no James Buchanan Distilling Company os Glasgow, Escócia, o fabricante do Black and White Scotch Whisky, que usou um West Highland White Terrier e um Scotish Terrier que tornou os Westies conhecidos e finalmente notados em suas qualidades. Graças à iniciativa do Black and White, os amantes dos Westies tiveram, através dos anos, os seus maravilhosos cães conhecidos no mundo todo. Através dos anos, os Westies se tornaram menores e a sua popularidade só cresceu. Finalmente um cão chamado Elfinbrook Simon, em 1962, ganhou o primeiro prêmio Best in Show no Westminster Kennel Club show, no Madison Square Garden, New York. Simon foi um eletrizante showman e ganhou o Parque em frente de uma audiência de milhões de pessoas na TV. Depois de subir ao podium ele levantou sua pata em agradecimento e esse momento nunca foi esquecido por quem assistiu. Em 1962 os registros da raça subiram de 699 para 930. Esse foi o maior salto em registros jamais visto! Hoje, mais de 40 anos depois os Westies conquistaram seu lugar como uma das raças mais queridas por suas qualidades de serem cães eternamente alegres, atentos, obedientes, inteligentes, e pelo fato de aliar sua característica de caçadores ao seu doce comportamento quando cães de companhia, de uma inteligência inestimável e que surpreende seus donos. Se é a adorável carinha ou sua personalidade que faz da raça uma das mais queridas hoje, você decidirá!

12

ELEONORA DIAS

advogada

Lista para a primeira compra:

- ração ­ sempre superpremium, Hills Science Puppies Small Bites, Proplan puppies small bites optistart plus, Royal Canin Puppies Small Bites, Eukanuba Puppies Small Bites, Premier Fórmula puppies small bites.As rações que estão sendo usadas no Canil, patrocinadoras, são sempre superpremium; - para diversão e fortalecimento ­ palitos e pro e prebióticos da Linha Pet Active da Vetnil, www.vetnil.com.br ­ dar um ao dia de cada um na hora das brincadeiras como prêmio. - caso o seu filhote tenha qualquer tipo de doencinha ou fragilidade acrescentar á ração uma medida diária de Organew ou Organact pó ao dia para fortalecê-lo (ele já usa isso no Canil desde o desmame) - cama ­ de preferência de plástico forte ou outro material duro. Quase com certeza a caminha de tecido que vem dentro será comida nos primeiros meses de vida ­ deixa comer, pois tudo o que está dentro da cama é DO CACHORRO, assim ele saberá que o que está fora das suas coisas (inclusive bebedouro e comedouro, que devem ser de metal com fundo pesado), é o que lhe é permitido comer , o que evitará que ele coma coisas "que não são suas"; - brinquedos ­ o que lhe for dado como brinquedo deve também ter a permissão de que o cãozinho coma, pois é dele, assim, se ele carregar pela casa para brincar, sempre ao final da brincadeira deve ser colocado de novo na caminha, ou ao redor dela (às vezes são tantos que ele não cabe na cama para dormir); - quando ele já estiver acostumado ao seu novo "banheiro", a ração pode ser deixada diretamente no comedouro, pois essa raça não costuma comer mais do que deve (que vem escrito na ração) -bebedouro e comedouro; escovas ­rasqueadeira para tirar a lã -biscoitos ­ quando o cãozinho usar o seu banheiro certo, brincar com seus brinquedos ou fizer as coisas certas que lhe forem ensinadas deve ser recompensado com agrados, palavras e um biscoitinho (lembrar-se de não lhe dar mais que uns 2 biscoitos ou bifinhos por dia, senão ele deixa de comer a ração!). Aqueles ossos feitos a base de courinho devem ser dados apenas com supervisão, porque eles derretem e podem engasgar o cachorro. Advocate (Bayer) para colocar no dorso uma vez por mês, conforme explicado. Obs. Nunca use o nome do cão para dar uma bronca e nunca volte atrás, mesmo que ele "emburre" no canto por todo o dia. O nome do cachorro tem que ser para ele uma coisa boa e não ser ligado a coisas erradas. LEMBRE-SE ­ seu cão merece tanto agrados quando faz coisas certas quanto broncas pelas coisas erradas. Max3 (Bayer) ­ proteção extra e única no mercado contra a famosa Leishmaniose, por ser repelente. Ainda protege contra pulgas e carrapatos adultos e ovos.

13

ELEONORA DIAS

advogada

- Shampoo neutro para banho. Existem shampoos próprios para cachorros brancos. Um shampoo extremamente indicado, mas que não branqueia (o que não é realmente necessário), mas trata a pele contra diversos problemas é o Peroxidex. Lembre-se que o seu cãozinho só vai poder sair de casa, inclusive para o pet-shop, depois e tomada a última vacina V8 ou V10 (não existe diferença de proteção) e a anti-rábica.

14

Information

14 pages

Report File (DMCA)

Our content is added by our users. We aim to remove reported files within 1 working day. Please use this link to notify us:

Report this file as copyright or inappropriate

345603